As pessoas encaram uma vida atribulada e cheia de compromissos e apreensões, que são resultantes, na maioria das vezes, da jornada de trabalho que enfrentam e do avanço da tecnologia, que faz com que elas se movimentem cada vez menos. Nesse contexto, é normal que elas se sintam ansiosas em algum momento de suas vidas. Porém, quando esse sentimento é mais contínuo e acentuado, pode ser bastante prejudicial à saúde mental, além de afetar o corpo.

Saiba como a atividade física regular ajudar a diminuir os sintomas de ansiedade!

No artigo de hoje, você vai conhecer quais são os principais sintomas da ansiedade e uma das formas mais comuns de preveni-la: a prática regular de atividade física. 

Ansiedade: definição e causas

Cada vez mais comum, a ansiedade é um fenômeno que ora é benéfica para as pessoas, ora é prejudicial, já que incentiva o indivíduo a entrar em ação, mas, em excesso, faz com que ele se sinta imobilizado.
Isso significa que, em um grau confortável, a ansiedade é tida como um sinal de alerta que deixa o corpo predisposto a enfrentar situações desfavoráveis, mas, quando compromete a qualidade de vida e o bem-estar, é encarada como doença.
Ela está relacionada a sentimentos como angústia, aflição, medo, preocupação exagerada e insegurança e pode levar ao uso abusivo de medicamentos.

Principais sintomas

Os sintomas variam de pessoa para pessoa e dependem da intensidade:

– Palpitações e sentimento de impotência diante de situações adversas;

– Preocupações e tensões exageradas;

– Sentimento de perigo constante;

– Falta de controle sobre pensamentos;

– Sensação de que algo desagradável está para acontecer;

– Tremedeiras.

Além de perturbar a vida social da pessoa, a ansiedade também ocasiona o ganho de peso e pode estar acompanhada de doenças cardiovasculares e respiratórias, além de depressão e neuroses.

VEJA TAMBÉM  Os 7 benefícios da musculação que você precisa conhecer!

O efeito da ansiedade sobre o seu corpo e a sua mente

São muitos os efeitos que a ansiedade causa ao corpo e a mente.
Pessoas que sofrem de ansiedade têm, por exemplo, dificuldade de adormecer, já que ficam remoendo pensamentos.
Outro efeito muito comum é a tensão muscular. A ansiedade faz com que o corpo fique mais tenso, o que pode resultar em dores de cabeça, dor na nuca e ombros enrijecidos.

A seguir, listamos outros efeitos:

– Problemas de garganta;

– Reações do fígado;

– Sistema imunológico enfraquecido;

– Sistema nervoso sobrecarregado;

– Problemas de digestão.

Prevenção e tratamento da ansiedade

Além de precisar reduzir o estresse diário, cuidar da qualidade do sono e ingerir alimentos que aumentam os níveis de serotonina, pessoas com tendência a ansiedade devem praticar atividade física regularmente.
Segundo estudo realizado por pesquisadores da Southern Methodist University, nos Estados Unidos, pessoas com um quadro clínico de ansiedade podem ter os sintomas amenizados com atividade física de intensidade moderada (150 minutos por semana).
A prática de exercício físico é considerada a forma mais comum de tratar a ansiedade, já que traz benefícios para o sistema circulatório, contribui para uma maior produção de endorfina e melhora os níveis de serotonina e noradrenalina, substâncias envolvidas na ansiedade.
Ao longo do exercício físico, o corpo é submetido ao estresse que faz bem, aquele que desencadeia a produção de alguns hormônios.

Conheça algumas glândulas e seus hormônios:

Hipófise

Controlada por uma região do cérebro chamada hipotálamo, a hipófise é uma glândula com aproximadamente 1 cm de diâmetro. Ela secreta hormônios que controlam o funcionamento de outras glândulas. Por isso, ela também é conhecida como glândula mestra.
Quando as substâncias liberadas pela hipófise entram em circulação, elas agem sobre o sistema nervoso central, causando uma sensação de bem-estar.
Os hormônios liberados pela hipófise são vitais para a saúde e bem-estar.
A produção de endorfina, neuro-hormônio produzido pelo próprio organismo na glândula hipófise, alivia a depressão e normaliza os níveis de ansiedade.

VEJA TAMBÉM  Os 7 benefícios da musculação que você precisa conhecer!

Supra-renais

As glândulas supra-renais estão localizadas acima dos rins e são vitais para o ser humano, visto que regulam o metabolismo e as reações do corpo humano ao estresse. Elas liberam hormônios como a adrenalina, que, na dose certa, mantém o corpo ativo, e o cortisol, que auxilia o sistema imunológico.

Atividades físicas recomendadas

Caminhar cerca de três vezes por semana, por exemplo, já pode contribuir para lidar com a ansiedade e viver a vida com mais leveza. Fazer um programa de treinamento com exercícios aeróbicos de intensidade moderada também é recomendado para ajudar a combater a ansiedade. A concentração no treino ajuda a esquecer as preocupações e os problemas causados pela ansiedade, o que já é um grande benefício. Mas, não se engane, para um efeito prolongado, é preciso praticar atividade física regularmente.

Treino do seu jeito, com o Gympass você treina onde e como quiser!